fbpx

ROTEIRO DE CINEMA – TÉCNICA, ESTILO & ESCRITA CRIATIVA

A oficina Roteiro de Cinema – Técnica, Estilo & Escrita Criativa, do Prof. Dr. Leonardo Wittmann, foi pensada para você que sempre quis se tornar um roteirista de cinema.

O curso, que chega à segunda edição, mescla conhecimento teórico e prático sobre a construção do roteiro cinematográfico, utilizando como material filmes, roteiros e prosa literária, a partir dos quais o professor abordará elementos como o conflito, a personagem, a técnica e o estilo.

Um dos objetivos da oficina Roteiro de Cinema – Técnica, Estilo & Escrita Criativa é que os participantes desenvolvam – e, se possível, finalizem – um roteiro de curta-metragem.

Os exercícios propostos serão realizados fora do horário da oficina e discutidos em aula.

As aulas serão realizadas no Gog, localizado na Praça Osvaldo Cruz, 15 – sala 1005, Centro Histórico, Porto Alegre.

Aula 1

  • Apresentação do professor e dos alunos e alunas
  • Apresentação da bibliografia
  • A sinopse
  • A personagem
  • O conflito
  • Exercício: Escrever uma sinopse.

Aula 2

  • O argumento
  • Discussão das sinopses apresentadas
  • Exercício: Escrever um argumento completo ou parte de um argumento.

Aula 3

  • As escaletas
  • Discussão dos argumentos apresentados
  • Exercício: Escrever as escaletas ou terminar de escrever o argumento.

Aula 4

  • A formatação, a técnica e o estilo em um roteiro de cinema
  • Discussão das escaletas apresentadas
  • Exercício: Escrever as primeiras páginas do roteiro. Ler o roteiro de um curta-metragem proposto pelo ministrante da oficina.

Aula 5

  • Exibição do curta-metragem e discussão roteiro x filme
  • Discussão sobre as páginas escritas.

Aula 6

  • Análise do trecho de uma obra literária e como ela foi adaptada para a cena de um filme
  • Discussão sobre as páginas escritas.

Aula 7

  • Discussão sobre as páginas escritas.

Aula 8

  • Discussão sobre as páginas escritas.

As discussões serão coletivas, para que todos os alunos e alunas possam opinar sobre o andamento do trabalho dos outros participantes.

Importante: todos podem opinar, criticar e sugerir, contanto que de maneira educada e construtiva. O respeito ao texto dos outros, e ao ritmo criativo de cada um, é essencial. Estar aberto a críticas e sugestões também é de suma importância.

Quando?

Esse curso já aconteceu
100%

Quer uma nova edição desse curso? Envie um email (falecom@gogideias.com.br) e nos avise e vamos providenciar!

BOLSA DE ESTUDOS

Nos ajude a distribuir bolsas de estudos para este curso. Participe da campanha do Gog no Apoia-se!

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

  • ALESSANDRA, Pilar. The coffee break screenwriter: writing you script 10 minutes at a time. Studio City: Michael Wiese Productions, 2016.
  • BECK, Scott e WOODS, Bryan. A quiet place. Versão do roteiro sem data.
  • CAMPOS, Flavio de. Roteiro de cinema e televisão. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2007.
  • HILL, Walter. Hard Times. Versão do roteiro sem data.
  • KING, Stephen. Sobre a escrita. Rio de Janeiro: Suma de Letras, 2015.
  • MACIEL, Luiz Carlos. O poder do clímax: Fundamentos do roteiro de cinema e TV. Rio de Janeiro: Editora Record, 2003.
  • MURAKAMI, Haruki. Romancista como vocação. Rio de Janeiro: Alfaguara, 2017.
  • RAPHAEL, Frederic. Kubrick: De olhos bem abertos. São Paulo: Geração Editorial, 1999.
  • SCOTT, Kevin Conroy. Lições de roteiristas. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2008.

Sobre o professor

Leonardo Wittmann é mestre e doutor em Escrita Criativa pela PUCRS, e graduado em Produção Audiovisual – Cinema e Vídeo pela mesma universidade. 

É co-roteirista de “Mboapy Yakã – Três Rios”, projeto contemplado na categoria de desenvolvimento de longa-metragem do edital FAC Filma RS 2022. Co-roteirista do curta-metragem interativo “Colapso: Terra em Chamas” (2021), projeto selecionado no edital Criação e Formação Diversidade das Culturas 14.017/20 e adaptado de peça da indiana Manjula Padmanabhan. Diretor e co-roteirista dos curtas-metragens “O boxeador” (Histórias Curtas RBSTV, 2009) e “Trajeto” (2011). Diretor e roteirista do curta-metragem “Os anteriores” (2015). Os filmes foram exibidos na televisão e em festivais no Brasil e nos E.U.A. Escreve principalmente nos gêneros de drama, suspense e fantasia. 

Em 2015, cursou o 8-Week Screenwriting Workshop da New York Film Academy, em Los Angeles. “We, the wolves”, seu roteiro de longa-metragem em inglês e que também foi sua tese de doutorado, foi semifinalista do concurso de roteiros do FRAPA em 2019, considerado um dos maiores festivais de roteiro da América Latina. 

Ministra workshops de roteiro e de escrita criativa para estudantes do ensino médio e de graduação. Tem contos publicados em revistas digitais e em antologias como “Mínimo Múltiplo Incomum” (Editora Zouk, 2021), “Antologia Um – Escrita Criativa PUCRS” (Editora Bestiário, 2017), “Derrida e o pensamento contemporâneo” (Editora Fi, 2017) e “Desamordaçados” (Editora Libretos, 2009).