ASTRONARRATIVA

Um curso da Profª Me. Daniela Scheifler para você compor narrativas – literárias ou não – a partir das experiências e vivências pessoais, tendo como suporte e guia o estudo das 12 casas astrológicas do Mapa Natal de cada aluno, com seus signos e planetas.

Narrativas literárias também servirão de instrumento e material para o estudo. Diversas autoras, nos seus mais diversos gêneros literários: diário, ensaio, romance, romance autobiográfico, conto, poesia – mas não somente – nos ajudarão a compor com os arquétipos astrológicos.

INSCREVA-SE AQUI

ASTRONARRATIVA – 8ª edição

8 aulas, sempre às quartas-feiras

Dias 6, 13, 20 e 27 de abril
4, 11, 18 e 25 de maio

2h por semana – das 19h30min às 21h30min.

INSCREVA-SE AQUI

Quer saber mais?

“O que pode a literatura em tempos sombrios e bicudos como os nossos? E a Astrologia? Ultimamente, as perguntas têm me parecido muito mais interessantes do que as respostas, mas arriscaria dizer que ambas nos libertam de um pensamento binário, dual, que permeia toda a nossa cultura – e que nos limita o pensar em outras possibilidades, saídas e alternativas para as problemáticas do nosso tempo: as ideias e as práticas para adiar o fim, ou, para depois do fim.

O Astronarrativa surgiu durante a pandemia, em 2020, quando eu me perguntava o que me salvava em meio a um mundo que se despedaçava. O curso criou vida própria e foi um sucesso, estando já na 8ª edição.

Alguns alunos já disseram que é mais do que um curso, é uma experiência. Eu concordo.

Através da jornada heroica pelas 12 casas do mapa natal, seus signos e planetas, mais as narrativas literárias desestabilizadoras da voz hegemônica, olhamos para os nossos percursos, nossos relatos, nossas histórias de vida. Com um novo olhar. A memória como ilha de edição.

No curso, trabalhamos com:

– Lila e Elena, personagens da “Amiga genial”, de Elena Ferrante, buscando na literatura uma alternativa de vida e de emancipação em meio a um mundo violento e precário

– Sherazade, salvando a pele contando estórias

– A escrevivência da mulher negra que a ajuda a elaborar as violências do racismo e do sexismo

– A literatura ameríndia que nos ensina que não há um fora de nós, um outro planeta para onde ir e que a única resposta consciente que podemos dar para as problemáticas do nosso tempo é a de ter a coragem de rever o nosso modo de estar aqui

As Astronarrativas, enfim, são a criação de novas possibilidades a partir de novas formas de olhar para as nossas narrativas de vida. Dar uma resposta consciente, revisitada para as nossas questões a partir de um instrumental simbólico mais rico. É reinvenção e reexistência.

O ascendente, por exemplo, é a casa que mostra como viemos ao mundo. Você sabe como estava a sua mãe e a sua família nas circunstâncias em que você nasceu? E o reflexo dessas circunstâncias no modo como você encara os novos inícios na sua vida hoje? A Astrologia responde. A Literatura idem. E você também, com elas.

Somos sujeitos dos nossos mapas, sujeitos das nossas histórias na medida em que nos tornamos conscientes delas.”

Sobre a professora:

Daniela Scheifler é mestra em literaturas decoloniais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), professora de português e italiano, de literaturas de Língua Portuguesa e de Literatura Italiana. Formada em Letras pela UFRGS, estudou também Lettere Italianistica na Università Amedeo Avogrado, na Itália. É também astróloga com quase 20 anos de atuação. Estudou astrologia no Terceiro Milênio, na Casa Coletânea e na Unipaz-Sul.